Tipografia Dimensional

(Pormenor de lettering, John Hudson)

Surgiu uma  questão na mailing lista da ATypI (meia “vinda do nada”) sobre aplicação de padrões abstractos e uso de tipografia no espaço. John Hudson referia-se à apresentação de slides do Jan Middendorp onde se via um tipo de padrões que “when looked at from a particular angle resolves into lettering. ”

In Melbourne I developed a way-finding-system for the Eureka Tower Carpark while working for Emery Studio. The distored letters on the wall can be read perfectly when standing at the right position. This project won several international design awards.

http://de-war.de/eurekacarpark.html

Este trabalho faz parte de um conjunto alargado de trabalhos que exploram a interface dimensional da tipografia. Originalmente coloquei isto na edição dos links do dia do passado Domingo, mas achei que merecia mais destaque do que apenas uma referência em link. Até porque se prende com um tema mais vasto e explorado (por mim e por colegas meus) noutras ocasiões, como por exemplo o trabalho de Vítor Q. que também aborda esta questão, embora sob uma perspectiva mais digital – http://www.dyntypo.com/.

No entanto, este trabalho de Hudson fez-me voltar ao pequeno e único (?) livro que tenho comigo e que aborda a questão da aplicação/investigação dimensional da tipografia:

Dimensional Typography, J. Abbott Miller

Best Price $4.54
or Buy New $15.96

Esta pequena preciosidade introduz a tipografia como uma arte de desenhar letras e acrescenta uma nova dimensão espacial ao mundo “plano” dos tipos. Percorre alguns exemplos paradigmáticos da investigação espacial das letras assim como da sua componente temporal. Para quem inicia a sua actividade na investigação de tipos, é uma referência fundamental.

A par deste trabalho de Hudson (que é um pouco excêntrico, não?), do trabalho de investigação do Vítor e do livro de Miller podemos ver um trabalho de instalação (enviado por e-mail pelo Jorge P.) que aborda esta questão sob o ponto de vista inverso – como o espaço e o tempo afectam a tipografia.

ONE DAY POEM – Experimental Typography foi o nome que Jiyeon Song atribui à sua peça – uma exploração de mensagens escritas no meio ambiente, tal como referido no blog do autor aqui e na página original do projecto: http://people.artcenter.edu/~jsong5/thesis/index.html

Estes (e muitos mais que se podem encontrar referidos on-line, como este livro de pop-ups) são parte integrante e fundamental de uma investigação contínua que tenta responder ao desafio dimensional de integrar a tipografia no nosso mundo tridimensional. Até à data confesso que ainda não encontrei um trabalho que me convencesse suficientemente. Esta tem sido uma questão latente deste que o Antero F., o meu professor de Design do 2º Ano da licenciatura na FBAUP, a colocou em aberto numa aula. Mesmo passado todo este tempo (~10 anos)…

Será que a tipografia não encontra a sua expressão para além das 2 dimensões?

Author: Pedro Amado

Professor Auxiliar na Universidade de Aveiro a leccionar Design de Interação

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s