Links do dia: Software & processes

CG Cookie @ Vimeo

A semana que passou foi estranha. Cheia de imprevistos e de atividades irregulares…

De qualquer forma, foi uma semana em que voltei a ver tutoriais de 3D. O meu iPhone ainda tem cerca de 10GB de vídeo por ver, mas quero destacar aqui e já uma nova adição ao Blender: o motor de render Cycles. Graças ao Vimeo do CGCookie, já descarreguei uma versão experimental do Blender 2.57 com o Cycles. Este é um novo motor de render interno baseado em física real. Funciona um pouco como o SmallLuxGPU, LuxRender, Octane, ou Sunflow que já abordei em parte aqui e aqui. No entanto, a diferença é que este trabalha diretamente na interface do Blender! Ainda está em fase de desenvolvimento, mas já apresenta resultados muito aceitáveis. Será o fim do LuxRender/SLG? Descarreguem as últimas versões do GraphicAll e vejam vocês mesmos ;)

We're all in this together @ Vimeo

Uma animaçãozinha muito porreira: http://vimeo.com/22369919. Vejam também o processo de desenvolvimento da animação no site oficial… os esquissos das personagens são demais!

Casey Reas @ Vimeo

Uma introdução aos “processos” de criação de Casey Reas com Processing: http://vimeo.com/22955812. Sou um fã incondicional do trabalho de Reas desde que comecei a usar o Processing, mas isto dá-nos mais um pequeno vislumbre do processo de criação das suas peças generativas.

This ten minute presentation introduces the Process works created by Casey Reas from 2004-2010. This work includes text descriptions and software interpretations of the text, as well as derived installations, prints, and objects. The Process text is here: reas.com/​texts/​processcompendium.html

Imagem da exposição de Matt Pyke @ La Gaîté

Gostava de estar em Paris agora… Exposição de Matt Pyke “e amigos” na galeria La Gaîté Lyrique: http://www.gaite-lyrique.net/en/programmation/theme/matt-pyke-friends

Matt Pyke is one of the most innovative – and positive – motion-artists of his time. His approach can be described as both scientific and holistic, as the name of his design studio, Universal Everything, suggests. The striking variety of his artistic practices (product, print, branded art, tv idents, interactive design, shop installations, arts), has positioned Pyke as a global contributor in the diffusion and popularization of design and motion design.
La Gaîté Lyrique invites the artist for an exceptional exhibition, a lecture, and provides more insights about the creator in the ressources center and the video games space for a special curation […] located in the heart of Paris, between the  Marais, the République and Grands Boulevards quarters, 10 minutes’ walk from the Centre Pompidou.

Sublime Text em ação (retirado do site)

Voltando ao tema (software), outro dia, o Diogo recomendou-me o editor de código Sublime Text.

Na minha busca incessante de um bom editor de texto e de código, descarreguei-o para experimentar. Está disponível para Windows e Mac (versão alfa) e tem as caraterísticas esperadas de um editor desta natureza.

Depois de 5 minutos, confesso que estava um pouco desiludido. Não me dei muito bem com o editor (ecrã escuro, cores do código, etc), mas tenho que realçar uma característica espetacular: a miniatura lateral do documento. Ficamos com uma noção geral de como o programa está a evoluir, como no caso dos sketches de Processing, por exemplo.

Já para HTML, que é o que mais tenho editado nos últimos tempos, vou manter os softwares do costume, tal como o Text Wrangler (só disponível para Mac) para edições rápidas, multi-ficheiro, ou de texto “puro”. No entanto, tenho vindo a usar cada vez mais o Komodo Edit. É um software para Windows e Mac que vi numa das últimas .Net que li. Demora um pouco mais a arrancar do que o Text Edit e do que o Text Wrangler, mas, para além das características que os outros têm, faz code completion, cria acordeões dos blocos de código como o Adobe Dreamweaver e faz browser preview. Muito bom mesmo!

Skecth Whichface de Shiffman em ação

O Daniel Shiffman é um dos autores/artistas/programadores que sigo regularmente. Há uns dias libertou um skecth de Processing que usa a bilbioteca de reconhecimento facial OpenCV: http://vimeo.com/22873042.

Descarreguei e estive a ver o código. Não tinha grande surpresas, mas a resolução é elegante. Vale a pena brincar um pouco com o sketch, nem que seja para ver como o computador se deixa enganar por um post-it, como na imagem ;)

Author: Pedro Amado

Professor Auxiliar na Universidade de Aveiro a leccionar Design de Interação

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s