Mestrado em Comunicação Multimédia (UA)

IMG_2705.JPG
Estudo de protótipo de ferramenta de desenho digital (pormenor do meu doutoramento)

Acrescentei há alguns anos a formação em investigação e desenvolvimento de autoria Multimédia às minhas competências de base em Design de Comunicação. Um pouco como Siang refere neste artigo, através do Mestrado em Arte Multimédia que tirei na FBAUP.

Hoje, a escolha é difícil, mas (para resumir este artigo a uma frase) recomendo vivamente o (nosso) Mestrado em Comunicação Multimédia (MCMM) do Departamento de Comunicação e Arte.

Podia ter aprofundado outras áreas como a ilustração (na minha paixão original, a BD), o 3D, ou mesmo o Typeface Design (que ainda persigo). Podia (e devia?) ter seguido estudos noutra instituição (como acabei por o fazer), mas a verdade é que, por acidente ou design, entrei numa área e conheci outra realidade na FEUP e na FBAUP que é absolutamente apaixonante. Até hoje não passa um dia sem que trabalhe aspetos da comunicação digital, da programação, edição colaborativa,… E quase não conheço ninguém que não precise de competências mínimas nesta área.

Acabei por ir trabalhar para a Universidade de Aveiro e estou atualmente inserido numa unidade de investigação — DigiMedia — que aborda estas áreas. Áreas que comecei a explorar no mestrado.

Enter Interaction Design.

Screenshot 2016-08-02 12.02.08.png
Diagrama das áreas de Interaction Design (adaptado do livro de Dan Saffer: Designing for Interaction, 2006)

Na realidade digital atual, considero ser crucial que um designer gráfico aprofunde as suas competências no planeamento e desenho de experiências digitais. E, por mais “jeito para o desenho” que se possa ter, a verdade é que a área do Design de Interação é uma área complexa e já com uma história considerável para estudar. Não é de repente que se desenham aplicações (e muito menos que se consegue desenvolve-las!). Foi o que aprendi ao longo destes anos.

Mas, por vezes pode ser avassaladora a quantidade de informação que é necessária para começar a compreender e a trabalhar nesta área. Uma licenciatura ou mestrado são escolhas óbvias para aprofundar os conhecimentos (mais do que apenas adquirir competências técnicas que um curso técnico especializado pode oferecer).

Screenshot 2016-08-02 11.58.59.png
Pormenor de um diagrama do enquadramento teórico do meu doutoramento (áreas de investigação e autores)

Por isso, uma licenciatura em design ou tecnologia são os pontos de partida perfeitos para quem quer explorar esta área — fornece o tipo de competências e autonomia na pesquisa e desenvolvimento de soluções projetuais. Mas o problema surge porque a área do Design de Interação é vasta e necessita de muitas competências adicionais. E isto é facilmente complementado com um mestrado (já se vê onde vou chegar, certo?)

Hoje em dia, a oferta de mestrados é maior e as áreas mais abrangentes. E, ao mesmo tempo, mais especializadas. A escolha é difícil. No entanto, conhecendo pessoalmente algumas das ofertas das universidades, posso dizer que, para alguém que quer aprofundar conhecimento na área do Design de Interação, o Mestrado em Comunicação Multimédia (MCMM) que nós oferecemos no Departamento de Comunicação e Arte é uma escolha óbvia.

Screenshot 2016-08-02 12.29.57.png
Pormenor do site do mestrado (desenho pelos alunos José Fonte e Daniela Bessa). Disponível em: http://mcmm.web.ua.pt/

Se tivesse que tomar a decisão de fazer um mestrado (novamente), conhecendo o plano curricular o MCMM, muito provavelmente optaria por este curso. Fornece um equilíbrio muito interessante entre a teoria e exploração dos media (que muito gostei de estudar no meu mestrado), mas que, ao mesmo tempo, explora e desenvolve competências no desenvolvimento de aplicações e experiências digitais suportadas pela Web (abordando assuntos como os jogos, a arte multimédia, etc…).

Este ano, o MCMM oferece um par de novidades muito interessantes. Primeiro, a lógica projetual integrada e transversal ao plano curricular em Project Based Learning:

No 1º ano curricular do MCMM és desafiado a pensar, a criar e a produzir em contexto de mundo de vida real. A equipa é o teu suporte. Os professores os guias da tua aprendizagem. Juntos e unidos pela metodologia de Project Based Learning, a tua formação superior será a conquista de competências, capacidades e atitudes. Uma aventura compartilhada, cruzando os territórios das várias Unidades Curriculares, do plano de estudos.

E em segundo lugar, para além do já conhecido e excelente (!) Made In Deca (produzido especialmente no ramo de Audiovisual Digital do MCMM) e participação em múltiplos eventos do tecido social de Aveiro (como o Tech Days), o ramo de Multimédia Interativo promove uma articulação com a Altice Labs, numa parceria única.

SL06.jpg
Primeiro contacto com o MCMM, no Second Life em 2007…

Ah, e tal…  tu até dás aulas no mestrado!…

É verdade. Tenho um enorme “bias” nesta opinião. Na realidade, o meu envolvimento com o mestrado MCMM começou uns meses antes de ir para a UA, quando assisti a uma das aulas do Carlos Santos (atual diretor do mestrado) e do Luís Pedro (?), no Second Life, em Janeiro de 2007 (ufa… agora senti-me velho!)*. Desde 2009 que, já na UA, tenho participado pontualmente na disciplina de Criatividade (pela qual fui responsável no último ano letivo) e orientado alguns alunos.

Por isso, sim, estou comprometido. Demasiado comprometido para uma opinião isenta. Por isso não se acreditem na minha opinião. Procurem os trabalhos do MCMM, como o stream do Made In Deca no Youtube, os múltiplos vídeos online, os inúmeros blogues e projetos que estão online e avaliem vocês mesmos. Se tiverem dúvidas ou questões não hesitem em contactar-nos.

MCMM_MI_divulgacao_2016.jpg

Candidaturas abertas até ao dia 12 de agosto!

LANÇA A TUA WEB-SÉRIE ou

ENTRA NA EQUIPA UA + ALTICE LABS

No 1º ano curricular do MCMM és desafiado a pensar, a criar e a produzir em contexto de mundo de vida real. A equipa é o teu suporte. Os professores os guias da tua aprendizagem. Juntos e unidos pela metodologia de Project Based Learning, a tua formação superior será a conquista de competências, capacidades e atitudes. Uma aventura compartilhada, cruzando os territórios das várias Unidades Curriculares, do plano de estudos.

Mais informações em http://mcmm.web.ua.pt

* Estive à procura do meu primeiro momento de interação com o MCMM e não consigo encontrar. É provável que tenha conhecido este mestrado nas pesquisas para o blogroll deste blogue (na sua primeira versão) entre 2005 e 2006. Sei que em Janeiro de 2007 interagi com o Carlos Santos — o meu primeiro contacto com o DeCA? —, e em Junho estava a recomendar o mestrado ao Leonardo (que acabou por o fazer!)

Author: Pedro Amado

Professor Auxiliar na Universidade de Aveiro a leccionar Design de Interação

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s