PO.EX[.D] ou algumas referências de Poesia Experimental Dinâmica

Suncika P. K. @ FBAUP
Suncika P. K. conference on concrete [digital] poetry @ FBAUP, 2018
Já não me lembro quando começou este meu fascínio pela Poesia Visual. Mas, tendo estudado Design Gráfico e desenvolvido uma paixão pela [composição baseada em] tipografia, parece-me um resultado perfeitamente natural. Mas, a verdade é que nunca dediquei muito estudo à sua história. Vou conhecendo as peças pelos facsímiles da Orpheu (ou outras obras como o manifesto Anti-Dantas), ou por um ou outro autor de poesia concreta que me passa pelas mãos.

Revista Orpheu

Mas, em 2017, quando regressei à FBAUP, aproveitei para definir um dos trabalhos de Web Design II como a composição de um poema concreto — não só uma oportunidade de trabalhar não só uma página em RWD, mas também para explorar as capacidades da “recém-publicada” especificação OTVar. Para os amigos, as Variable Fonts.

Em 2018, tivemos uma visita de uma artista digital sérvia — Suncika P. K. — e aproveitamos para explorar a proposta em conjunto. Suncika ampliou as referências fornecidas, passando por artistas menos convencionais que exploramos os meios eletrónicos e digitais, e promoveu uma criação mais autoral. Os trabalhos dos desenvolvidos pelos estudantes foram absolutamente fora de série.

Por isso, este ano, mantive o modelo do projeto. Vai ser a primeira experiência de manipulação interativa do DOM com JS. Ontem fechámos o ciclo de introdução aos conceitos / programação que já tínhamos explorado em LSI, adicionando alguns métodos de acesso e manipulação dos elementos na página. As próximas semanas são dedicadas à criação, composição, manipulação de um Poema Visual [Interativo] com Variable Fonts. E, para isso, decidi dedicar algum tempo a compilar uma lista de autores e referências visuais. À semelhança de LSI, não estou à espera de fazer uma lista “definitiva”, mas assumir este artigo como uma entrada de atualização constante. Para já, ficou com uma lista mais sólida nos “clássicos” estáticos. Alguns autores digitais iniciais — o problema é o acesso à páginas antigas, muitas com Flash ou Java applets! —, e alguns que manipulam outras tecnologias que não são necessariamente HTML+CSS+JS. Sem mais demoras…

Continue reading “PO.EX[.D] ou algumas referências de Poesia Experimental Dinâmica”

Óptica, Calibração e Design de Tipos

poster_conferência + workshop_fábio duarte martins_poster.jpg
Poster de divulgação @ FBAUP GabCom / Márcia Novais

Estes últimos dias têm sido preenchidos por finalizações de mestrados, rascunhos e submissões de propostas para artigos, comunicações e capítulos, muitos tutoriais e um workshop espetacular de Type Design com Glyphs. Acabaram as aulas, mas até agosto ainda falta um mês inteiro para trabalhar e estudar — coisa que Às vezes os estudantes parecem esquecer… ;)

É neste âmbito que aproveito para divulgar o workshop que tenho estado a preparar com o Fábio Duarte Martins.

Na próxima quarta-feira 3 de julho, às 14:30 no Auditório do Pavilhão Sul (PS01), o Fábio Martins irá apresentar uma conferência sobre Óptica, Calibração e Design de Tipos. A entrada é livre, por isso apareçam! Continue reading “Óptica, Calibração e Design de Tipos”

Bolsa de investigação em Web Design

Screenshot 2019-06-11 14.55.15.png

Um post rápido para anunciar/divulgar a abertura de uma bolsa de investigação para Mestre em Web Design. Basicamente, queremos um front-end design ninja, que esteja à vontade para criar ou personalizar um tema do CMS Collective Access. Continue reading “Bolsa de investigação em Web Design”

Hackathon Metrolab

jose-alejandro-cuffia-799485-unsplash.jpg
Photo by José Alejandro Cuffia on Unsplash

Normalmente não dedico muita atenção a este tipo de eventos — eu sei, eu sei,…  devia, mas não dá tempo para tudo —, mas este chegou-me via o designer Nuno Vargas e chamou-me logo à atenção.

A Metrolab / AMPorto está à procura de Designers e de Programadores para participarem numa hackathon que visa dinamizar ecossistemas inovadores em torno de desafios concretos nos municípios da Área Metropolitana do Porto. Continue reading “Hackathon Metrolab”

Links do dia: fonts, webfonts, variable fonts, color fonts!

IMG_20180104_232944_270
Julien Priez a editar um dos primeiros carateres de fontes variáveis no workshop do IPCA (janeiro 2018)

Todos os anos, quando o ano letivo se aproxima do fim, surge sempre a promessa: “vou voltar a publicar regularmente no blog!”. Mas nunca se concretiza… talvez seja desta? Desta feita, este ano não é exceção. Aqui ficam os links do dia desta semana: Fontes. Mais concretamente webfonts, variable fonts e color fonts hoje, no browser:

  • Color Fonts: https://color.typekit.com/. Este link é muito especial, pois parte dos demos deve-se em grande parte ao trabalho excelente do Sérgio Martins na Adobe. Vale a pena ver e explorar. Via link original do Tutsplus.
  • Variable Fonts (Axis Praxis): Há pouco tempo, a Joana Correia esteve na FBAUP para lecionar um workshop. Como sempre usamos o site demonstrador/referência do Axis Praxis. Para minha surpresa —bimbo!— descobri que o site dá para fazer o upload e teste de fontes próprias (daquelas que estávamos a desenvolver durante o workshop). O que é excelente, porque nem sempre é prático usar o InDesign ou o FontView para verificar os ficheiros.
  • Variable font specimen: Space Walk. Em janeiro, a convite da Prof.ª Catarina Silva e juntamente com o o type designer Julien Priez, organizámos e lecionámos um workshop introdutório ao desenho e implementação de tipos de letra em variable fonts. Um dos trabalhos de grupo (não desmerecendo os outros), para além de um tipo de letra robusto, resultou num espécimen interativo online espetacular!

 

Bolsas (de emprego) de Investigação e Desenvolvimento

v_cxsrohkwg-matthew-hamilton.jpg
Work © Mathew Hamilton

Nos últimos tempos, temos tido uma grande necessidade de encontrar recém licenciados para integrar projetos de investigação, ou para desenvolver trabalho. O que é estranho é que temos tido bastante dificuldade em encontrar candidatos, apesar da falta de emprego.

Estas são as últimas 4 oportunidades de emprego (bolsas ativas) nas áreas do Design, Tecnologia e Línguas, no Departamento de Comunicação e Arte e no Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro. Atenção que a data limite da primeira é hoje! E a última vai abrir em breve. Estas são apenas as últimas 4. Nos próximos dias, conto divulgar mais 3 (licenciados e mestre) nas áreas de desenho e desenvolvimento de interfaces para um projeto de desenvolvimento em que estou envolvido. Fiquem atentos!

http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx…, http://uaonline.ua.pt/detail.asp?c=48531
Bolsa de Iniciação Científica, até 9 de dezembro
“A bolsa terá por finalidade desenvolver a interface de uma aplicação para televisão que permita aos idosos solicitarem, de forma simples e rápida, pedidos de apoio a um grupo de voluntários.”

http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx… , http://uaonline.ua.pt/detail.asp?c=48530Bolseiro de Investigação, até 21 de dezembro
“A bolsa terá por finalidade o desenvolvimento de uma aplicação para televisão que permita aos idosos solicitarem, de forma simples e rápida, pedidos de apoio a um grupo de voluntários (…) É requisito fundamental a experiência com linguagens de programação orientadas a objetos, HTML5, CSS e Javascript”

http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx…
Até 21 de Dezembro
“O objetivo principal da bolsa consiste no desenvolvimento de uma plataforma digital que permita aos utilizadores no ambiente doméstico comunicar e controlar um conjunto de smartobjects com front-end mobile.”

http://www.eracareers.pt/opportunities/index.aspx?task=global&jobId=87223&lang=pt
12 de Dezembro a 10 de Janeiro
“Pretende-se Mestre nas áreas de Design ou Línguas, Literaturas e Culturas, com média final igual ou superior a 14 valores (…) Apoio à investigação do Centro de Línguas, Literaturas e Culturas,…”

Toshi Omagari @ ESAD

ATypI2015-ToshiOmagari--Photo-by-LukeGarcia+AndreHawk.jpg
Toshi Omagari at ATypI 2015 in São Paulo. Photo by Luke Garcia & Andre Hawk (retrieved from the amazing Luc Devroye website)

 

Só um post muito rápido para anunciar a conferência do Toshi Omagari na ESAD, na próxima segunda-feira dia 21 às 14:00: http://esad.pt/pt/news/toshi-omagari

Convidado da professora e Type Designer Joana Correia, o Toshi irá abordar o que é ser um Type Designer atualmente.

Toshi Omagari was born in Fukuoka, Japan and graduated from Visual Communication Design at the Musashino Art University in Tokyo and MA Typeface Design at the University of Reading in UK in 2011.

From October 2011 to the end of that year, worked at the Monotype UK office as an intern typeface designer. Currently is based in London, working as a junior typeface designer at Monotype Imaging UK.

He spoke at the ATypI 2011 at Reykjavík about Mongolian script, and at TypoLondon 2011 about his internship experience [and at many other subsequent conferences…] . His typefaces include Tangerine from Google Fonts (one of the fourteen typefaces that were available at Google Fonts’ launch), and Marco, designed during the MA Typeface design course.

Espero que ele também aborde o processo de desenvolvimento da Noto. Depois de ver o último vídeo da Monotype, ficamos a querer mais e mais!

Creating Noto for Google from Monotype on Vimeo.

E vejam mais sobre este fascinante processo (e alguns dos sketches do Toshi aqui: https://www.creativereview.co.uk/google-noto-typeface-world/). E no site da AIGA: http://www.aiga.org/monotype-font-marathon

E não é só isto que o Toshi faz. Quer dizer, ele desenha letras. Mas, como se não bastasse trabalhar para a maior empresa global de Type Design, aparecer nas melhores conferências, nas melhores revistas, nos melhores sites e ser notícia da AIGA, dentro deste universo, ele faz coisas muito loucas. Alguém se lembra do #Font Marathon que eles fizeram no ano passado? Pois ele fez uma fonte que, até hoje, não tenho a certeza como trabalha: https://storify.com/Monotype/fontmarathon. Mas que é espetacular, disso tenho a certeza!

Ainda por cima, é uma pessoa e designer muito, mas mesmo muito simpático! (Este ano tive oportunidade de o conhecer pessoalmente em Varsóvia).

Acho que podia passar o resto da noite a ler e a ver o trabalho dele. Mas… Bom… O melhor é mesmo ir à conferência. Já tenho ido a algumas das conferências promovidas pela Joana na ESAD (e tenho perdido outras tantas…) Mas a esta tenho mesmo que ir. Por isso, se aparecerem, vemo-nos por lá, para aplaudir o Toshi e agradecer à Joana a organização!